Frank Eler Marketing & Consultoria | Acessoria para micro, pequenos e médios empreendimentos

Nossa crise é mais moral do que financeira

Frank Eler      terça-feira, 3 de novembro de 2015

Compartilhe esta página com seus amigos

Crise sempre existiu e sempre vai existir, as vezes mais fraca, as vezes mais forte.

 

 

Especificamente aqui no Brasil, essa tal crise é mais moral do que financeira, afirma o estudioso da cultura digital Gil Giardelli, que recomenda que tenhamos otimismo mesmo diante as más notícias e todos esses escandalos que estão vindo a público.
 

Gil Giardelli é um estudioso da Cultura Digital, com mais de 15 anos de experiência.

É web ativista, difusor de conceitos e atividades ligados à sociedade em rede, colaboração humana, economia criativa e inovação digital, entre outras qualificações.
 

Em entrevista a Globo.com ele disse exatamente estas palavras:
"Vivemos uma crise moral, mais do que financeira. Estamos formatando o Brasil e a única boa notícia que temos é que a crise vai passar, só não sabemos quando.

 

Precisamos ter nosso projeto como nação e para isso devemos manter o otimismo, não só depender do governo como da iniciativa privada. Neste momento de transformação, você pode colaborar para ter uma boa educação e distribuir a riqueza do país. Inove, empreenda, crie!",
 

Gil Giardelli explica que nesta epoca em que a crise atacou com mais força, até o comportamento na hora das empresas contratarem mudou. Antes era medido o (QI) do candidato, e hoje já é mais diverso onde as pessoas com coeficiente espiritual saem na frente.
 

Ou seja, as pessoas que acreditam, que tem fé e que lutam por seus objetivos, saem na frente da maioria que fica esperando uma atitude dos governantes politicos.
 

Leia mais algumas palavras de Gil Giardelli sobre essa tal crise:
 

"Estamos todos conectados e a pergunta que temos que fazer é: como as pessoas podem gerar novos empregos, riquezas? Hoje não basta apenas criar, é preciso que faça sentido, ajude a sociedade. O século XXI será de pessoas individualmente livres e voluntariamente jovens, não de idade, mas de espírito", destacou.
 

Além disso ele diz:  "quem inova é o último a entrar em crise e o primeiro a sair dela".
 

Resumindo, quem plantar hoje, terá o que colher amanhã !
 

Hoje não só no Brasil mais em todo o mundo, para driblar a crise, pessoas usam a criatividade, a ousadia, e a vontade de mudar de vida.
 

Se você ficar dependendo e reclamando de crise, de políticos, de mais sei lá o que, você sempre estará vulnerável quando essa crise atacar mais forte.
 

O que você precisa para driblar essa tal crise, é tomar uma atitude, correr atrás, trabalhar com algo que as pessoas necessitam, que tem saída, que vende muito.
 

Já imaginou se você tivesse um produto que é procurado por mais de 100.000 pessoas por dia mesmo em meio a essa crise ?
 

E se eu te falar que esse produto existe? Qual seria sua reação?
 

Crise? Aqui não ! Veja o enorme mercado que você pode explorar :
 

Empresários, Prestadores de serviços, Profissionais autônomos, Empreendedores digitais ou físicos, Profissionais de MMN, Profissionais de Marketing Digital, Estudantes, Escritores, Designers, "blogueiros", pessoas que desejam iniciar um novo negócio, Pessoas que já tem um website mas precisam de melhores resultados ou outras ferramentas de marketing, Pessoas que buscam melhores resultados nas ferramentas de busca, Pessoas que buscam conhecimento e autonomia nesta área, Pessoas comuns que procuram uma renda extra etc.
 

E tudo isso já está pronto para você começar seu negócio hoje mesmo, alias, hoje não AGORA, em mais de 100 países.
 

Estou falando de uma plataforma completa para negócios online e multicanal onde já está tudo pronto para você em 3 idiomas.
 

Para esse artigo não ficar tão grande e chato para você ler, vou te passar o link direto da plataforma onde você pode começar agora mesmo fazendo um teste grátis por 7 dias e começar a espantar de vez essa crise.

 

 

Gostou deste artigo?

Foi útil para você?

Deixe seu comentário abaixo, sua opinião é muito importante para que eu possa criar novos artigos.

Receba minhas melhores dicas direto em seu email.

Informe seu nome e para qual email posso enviar:

 

Nome*
Email *
Sim! QUERO RECEBER AS DICAS

 

 

 

Comentários